Cidade de Vidro


Olá Nefelibatas! Lá vamos nós para mais uma etapa de Instrumentos Mortais, esse é o terceiro da série. Leia as resenhas de Cidade dos Ossos  e Cidade das Cinzas.

Clary descobre que há um modo de libertar sua mãe do coma, e  fará de tudo para conseguir isso, até mesmo ir para Alicante ( sem autorização). Os Lightwood e Jace vão a Cidade de Vidro, juntar-se a Clave, e Simon acaba embarcando junto ( sem querer). Valentim está mais perigoso que nunca, e correndo atrás  do terceiro Instrumento Mortal.


“As pessoas não nascem boas ou ruins. Talvez nasçam com tendências  a um caminho ou outro, mas é a maneira como se vive a vida que importa. E as pessoas que conhecemos.”

 Infelizmente, você nunca realmente odeia ninguém tanto quanto a alguém com quem já se importou um dia.”

“ Cada lembrança era valiosa, mesmo as ruins. Valentim quisera esquecer: esquecer que o mundo precisava mudar com ele – esquecer que integrantes do Submundo são dotados de almas, e que todas as almas importam ao tecido do mundo. Quisera pensar somente no que tornava os Caçadores de Sombras diferentes dos membros do Submundo. Mas sua ruína veio justamente de onde eram iguais.”



Enquanto tenta encontrar o antídoto para sua mãe, Clarissa descobre mais sobre sua origem e a de seu irmão, além de desenvolver seus poderes; ela está com os sentimentos à flora da pele em relação a  Jace, e ao seu ‘incesto’.Quase me esqueci de Valentim, esse consegue derrubar as barreiras de proteção da cidade ancestral, e tenta instaurar uma nova ordem aos caçadores das sombras. E para vencê-lo Caçadores e membros do Submundo terão de esquecer suas diferenças e preconceitos e unirem-se em Aliança.

Dos personagens: gosto do jeito sarcástico e apaixonado de Jace; irrito-me fácil com Clary e sua capacidade de agir sem pensar;  Magnus e Alec, Isabelle, Simon e Luke são um tempero especial da estória.

A autora traz vários personagens novos, do qual destaco Sebastian, um jovem encantador, bonito e cheio de segredos (fiquem de olho nele). É fato que Cassandra prefere  diálogos, mas nesse livro empenhou-se para ser mais descritiva. Dizem que para uma plana crescer ela necessita ser podada, e é isso que Cassandra faz; ela arrisca, e surpreende a todos matando um personagem, para que outros cresçam.

De inicio, pensei que a saga ia acabar neste livro, mas ainda restam 3 livros: Cidade dos Anjos Caídos, Cidade das Almas Perdidas e Cidade do Fogo Celeste ( lançamento só em 2013!). Enquanto isso, mergulhe nessa intensa, tocante, misteriosa e apaixonante estória de Cidade de Vidro.

Até a próxima, Lais.

Escrito por Cassandra Clare, publicado pela Editora: Galera, possuidor de  476 páginas.

5 comentários:

Pâmela Vital disse... [Responder comentário]

Laaaais =D
Sim, vale muito a pena!
Nao era fa de Cassandra ha pouco tempo, mas so foi ler Cidade de Ossos que tudo mudou..
Ah, tambem odeio as coisas da Clary. Menina sem noçao do perigo!

Como sempre, resenha muito boa!
Tô querendo ler Anjo Mecânico.. #sailogo haha
beijo grande

#Aηα мαgιєяσ# disse... [Responder comentário]

Oie Laa!!
Pulei a resenha viu, ainda não li nenhum livro desta série #vergonha e poor isso não quero arriscar.. que dó, se eu tivesse lendo até comentava com o maior prazeer.. enfim.. estou comentando com o maior prazeer ^.^
Tenho certeza que a resenha está ótima ^.^
Beijoos

Ana Magiero
Garota Sonhadora Em Livros

Amanda Chieregatti disse... [Responder comentário]

Bruxa, bruxa, bruxa!!!!!!!!!
Não faz assim comigo não, fia!! haah
Tô subindo pelas paredes de vontade de ler esse livro! ^^ ahhaha

Beijos
Mandinha
/minhasconfissoesfemininas.blogspot.com/

cristiane disse... [Responder comentário]

Só eu quero ler esse livro antes (e se ) fazerem o filme? As capas são lindas, eu acho, e a história tem tudo pra chamar a atenção do leitor. Tenho uma amiga que já leu e amou esse livro e sou doida pra pegar e ler também. Ainda não tive tempo, mas eu vou ler!

Postar um comentário